Tiga vai lançar novo álbum em novembro

O Dj e produtor canadense, dono da Turbo Recordings vai lançar um novo álbum! Com data de lançamento prevista para 12 de novembro, “Tiga Non Stop” é um pack com 28 tracks que serão lançadas pela Different Recordings.

O álbum vai contar com emixes de Duke Dumont, Locked Groove, Blawan, Factory Floo, Mathew Dear, Crosstown Rebels e o próprio Tiga que fala com entusiasmo sobre o novo projeto:

“Este é o primeiro mix que eu fiz, que incorpora a ética do ‘Tempos Without Borderss’, começando em torno de 108 BPM antes de finalmente chegar a 126, o mítico “Golden Rectangle” dos tempos.”

 

Visite http://www.tiga.ca/

 

Green Valley assina sala vip do Salão do Automóvel 2012

A 27ª edição do Salão Internacional do Automóvel acontece de 24 de outubro a 4 de novembro no Anhembi, em São Paulo. O clube catarinense Green Valley estará presente na sala Vip da marca francesa Peugeot, através das apresentações do DJ Thiago Borges.

O paulista Borges, que já se apresentou quatro vezes no 2° melhor clube do mundo, comandará a música eletrônica no espaço de network da Peugeot do Brasil, com apresentações nos dias 27 e 28 de outubro, e no feriadão de novembro, dias 2, 3 e 4, sempre das 14h às 18 horas.

Vale lembrar que a Peugeot e o Green Valley tem longa parceria e dois carros da marca francesa já foram lançados nacionalmente com exclusividade no super clube catarinense: o esportivo RCZ e o modelo 308.

O Green Valley tem entre seus patrocinadores a rede de concessionárias Peugeot Strasbourg, o que gerou um bom relacionamento do clube com a Peugeot nacional. Inclusive, a Strasbourg lançou no começo de 2012 o Peugeot Green Valley, uma edição especial onde é possível personalizar qualquer veículo da marca comprado na concessionária catarinense com itens exclusivos como máscara negra, capa para retrovisor, tapetes, película, bancos em couro, adesivos resinados no Green Valley e o emblema Special Edition, segundo informações divulgadas pela assessoria de imprensa.

Serviço:
Local: Anhembi
End.: Av. Olavo Fontoura, 1.209 | Santana – São Paulo/SP
Horário das apresentações do DJ Thiago Borges: das 14h às 18 horas

Via RMC

Falando em Green Valley, já viram a atração do aniversário de 5 anos do mega clube catarinense?

SERVIÇO
O que: Aniversário Green Valley
Atrações: Alesso (SUE), JatLag (BRA), Mario Fischetti (BRA)
Onde: Green Valley – Rua Rio Mamoré, 1-83 – Camboriú/SC
Quando: 1° de novembro a partir das 23 horas
Ingressos: http://www.ingressonacional.com.br / Green Valley Store – Avenida Brasil, 2431, sala 5
Reservas: (47) 3360-8097 e (47) 9903-4303

Barraco na Cabine: Calvin Harris& Lady Gaga

O DJ/produtor Calvin Harris, responsável pela tão bem sucedida fase ‘We found love’ de Rihanna, conseguiu, definitivamente, ontem (29), se tornar um verdadeiro inimigo de Lady Gaga, após uma entrevista que deu à rádio BBC, divulgando ’18 Months’, seu novo álbum.

Na conversa, Calvin teria afirmado que teve a chance de trabalhar com Gaga na produção do álbum ‘Born This Way’, mas que optou por não se envolver com o CD.

“Você tem que escolher pessoas que possuam músicas ou vozes que você goste. Aconteceu antes dela (Lady Gaga) se tornar famosa. Me mandou algumas canções e eu não gostei”, disparou Harris, durante a entrevista, sem medir palavras.

Prestes a chegar no Brasil, Lady Gaga se irritou com declaração de Calvin Harris.

Mais tarde, no Twitter, a intérprete de ‘Bad Romance’ decidiu se manifestar (de forma bastante contundente):

“Parece que é moda falar b**** sobre ‘Lady GaGa’ quando seus álbuns/singles são lançados. Vocês deveriam viver suas próprias vidas. Eu vivo. Nunca te enviei um email. Deve ser difícil acreditar que eu escrevo e produzo minhas próprias músicas porque uma mulher não entende nada de música eletrônica, correto?”, postou a cantora, sem citar nomes, mas visivelmente se referindo ao amigo de Rihanna.

Vish!

Vale lembrar que Calvin discutiu com Rita Ora pelo mesmo motivo…

A cantora disse que o produtor havia oferecido algumas músicas mas que ela recusou por não curtir os “beats” do Dj. Isso deixou o Dj pu#* da vida!

Leona Lewis recentemente disse que gravou We Found Love primeiro que Rihanna e que sua versão ficou bem melhor do que a da musa pop.

Isso é porque a música fala sobre o encontro do amor… imagina se fosse ao contrário?

Remixado do Jornal do Brasil

Felix Da Housecat dispensa nomes como Madonna e Britney Spears

O americano Felix da Housecat é um dos maiores nomes da cena eletrônica mundial, conhecido por fazer remixes para artistas como Madonna, Britney Spears, Kylie Minogue, P. Diddy e Miss Kittin. Mas, daqui para frente, quer estar bem longe do rótulo ‘pop’, como contou à coluna, antes da apresentação na The Express Party, oferecida pela cervejaria Heineken para o lançamento do filme 007 — Operação Skyfall, de James Bond, no Morro da Urca, nesta última segunda-feira (22).

“Não quero ser mais reconhecido pela grande massa como um DJ de pop”, disse ele, que é apaixonado pelo Brasil e contou estar produzindo o último CD de carreira. Felix Stallings Jr. nasceu em Chicago, onde era grafiteiro e, aos 15 anos, começou a se interessar pela house music. Logo começou a tocar em clubes, conheceu outros DJs e ajudou a produzir faixas de músicas para artistas como Aphrohead, Wonderboy e Thee Madkatt Courtship. O reconhecimento do público só veio em 2001, quando lançou Kittenz and Thee Glitz,ao lado de Miss Kittin,considerado um dos melhores discos de electroclash de todos os tempos.

Qual sua relação com o Brasil?

Estive aqui muitas vezes. Foram três no Rio e dez em São Paulo. Meus melhores amigos são brasileiros e me levam aos melhores lugares – venho tanto a trabalho quanto de férias. Amo o Brasil. As pessoas são muito legais e têm um espírito livre, assim como eu. Temos muito em comum e eu poderia ser brasileiro.

Como será seu próximo álbum?

Ainda não decidi o nome, mas com certeza será o último álbum da minha carreira. Então, estou curtindo esse tempo e me divertindo ao fazê-lo para ter certeza de que será o melhor de todos. Já fiz oito álbuns durante os 25 anos de carreira e acho que os CDs atualmente estão irrelevantes na indústria musical, porque a maioria dos artistas está mais interessada em quantidade do que qualidade. Não quero fazer parte disso. Produzi uma infinidade de músicas e, com isso, mudei meu estilo ao longo do tempo como na cançãoI Want To be a Lesbian, para trabalhar com artistas mais comerciais como Will.I.Am. Pessoalmente quero me distanciar desse tipo de música e tocar mais indie-electro, o que me diverte muito mais.

Você se arrepende de ter trabalhado para grandes nomes da música como Madonna e Britney Spears?

Trabalhei com muitas pessoas que, sem querer, me forçaram a comprometer o meu estilo de música. Quando pessoas como Madonna, Kylie Minogue e Britney Spears me chamam para trabalhar com elas minha reação inicial é sempre ‘não faço música pop’. Mas mudei minha mente e vi essas colaborações como oportunidades de alcançar um grande público. Mas hoje, me arrependo de ter comprometido meu estilo só para alcançar a massa.

Via Revista Época

David Guetta anuncia 7 shows no Brasil

A página do David Guetta no Facebook anunciou na noite da última quarta-feira (24) uma semana inteira de shows no Brasil em novembro. A passagem do DJ e produtor começará no dia 13/11 em Curitiba no Expo Trade. No dia seguinte, Guetta chega à Brasília para apresentação no Ginasio Nilson Nelson.

No dia 15/11, Guetta faz show no Mega Space em Belo Horizonte e no dia 16/11 no Jockey Clube, em Campo Grande. No dia 17/11, o francês chega a Santa Catarina e toca no Beto Carrero Park. Nos dias 18 e 19/11 voltará ao sudeste para apresentar os sucessos do álbum “Nothing But The Beat” em São Paulo (XXXperience) e no Rio (Rio Centro).

Via Popline