História: Rui Da Silva, o DJ e produtor que levou “Touch Me” ao topo 19 anos depois de seu lançamento!

O DJ e produtor só agora descobriu a novidade. “Touch Me”, o badalado single do produtor português, está entre os melhores números 1 do Reino Unido para o The Guardian. “Sei que ficou na posição 70 da lista, nao imaginava que chegaria no topo do chart de dance music”.

O The Guardian fez outra lista com os melhores singles #1 da música eletrônica e dentro deste chart, o The Prodigy se encontra em 8º lugar com “Firestarter”.

“Touch Me” foi lançada em 2001 e foi tocada incansavelmente nas rádios e baladas no Brasil e no mundo.

Apos o sucesso e em busca de oportunidades maiores, Rui montou seu estúdio caseiro, no West End de Londres.

“Todas as músicas nesta lista conseguiram sobreviver ao tempo. Essa é a minha pequena contribuição”, diz o DJ ao site Rimas e Batidas. “A pequena contribuição de Portugal para as músicas clássicas da house music.”

Um clássico que merece toda a aclamação do mundo!

Assista “Touch Me” https://youtu.be/3FkApmj8K1M

Pai de Avicii diz que fundação em nome do filho salva jovens do suicídio

Desde que o DJ sueco Avicii morreu, em 2018, que o pai dele, Klas Bergling, tem ajudado a recuperar o interesse de jovens em todo o mundo pela vida. Isso é possível graças a uma fundação que leva o verdadeiro nome do músico, Tim Bergling.

Em entrevista à Billboard, o pai comentou sobre como a instituição tem atuado na busca por diminuir os suicídios.

“Confiamos muito nas organizações com as quais trabalhamos. Eles têm especialistas que nos guiam. Nosso foco aqui é ajudar duas organizações a criar uma linha de apoio 24h por dia, 365 dias por ano, porque ela não existe aqui na Suécia”, afirma.

Segundo ele, já há registros de boas atuações.

“Recebemos cartas de fãs dizendo: ‘Tim salvou minha vida’. Eu realmente espero que as linhas de apoio possam parar os suicídios e ajudar a pensar melhor nas pessoas que estão pensando em se suicidar.”

Outro trabalho realizado pela fundação é fazer parcerias com organizações para ministrar palestras nas escolas sobre os malefícios do uso de drogas e álcool.

“Eu visitei algumas dessas palestras e elas ficam muito envolvidas. A resposta de todos os jovens foi tremenda. Estamos tentando ajudá-los a aumentar a escala para encontrar mais jovens nas escolas”, disse Klas.

O DJ Avicii foi encontrado morto em abril de 2018 em Mascate, no Omã, aos 28 anos. Ele fez parte da onda de DJs e produtores como David Guetta e Calvin Harris, que protagonizaram a cena eletrônica, ganhando hits internacionais, fama e prêmios antes geralmente atribuídos às típicas estrelas pop.

By FolhaPress

Novidade: Danilo Ercole surpreende mais uma vez em “Lush”

Se você gosta de progressive house, preste atenção neste novo lançamento da LK2 Music. Danilo Ercole, dos um dos maiores representantes do gênero no país a anos, apresenta faixa “Lush”, que além de surpreender mostra ainda mais o amadurecimento do artista e seu passeio por diversos gêneros dentro da música eletrônica.

E não é só! O single traz também a faixa “Start”. lançada previamente e que teve ótima repercussão mundo afora

Seu som varia do trance para o progressive house e progressive trance indo até o techno. O DJ e produtor tem importantes lançamentos em gravadoras importantes como Armada Music, Ministry of Sound, Black Hole Recordings, Coldharbour Recordings e Enhanced Music além de suportes em suas faixas de nomes como Armin Van Buuren, Tiesto, Markus Schultz, Ferry Corsten entre outros.

Também apresenta o programa “AfterDark Sessions”, transmitido mundialmente pela famosa DI.FM, dentro do canal “progressive” onde apresentam sua já tradicional mescla de estilos, mantenha seus ouvidos e a mente abertas para o “dark side” do trance e progressive.

Para download ou adicionar as faixas a sua playlist favorita, acesse: https://orcd.co/daniloercole-lush

DRUMAGIK LANÇA TRACK E CLIPE DE “GLITTER”

Aqui está em primeira mão um lançamento da dupla Drumagick com a track “Glitter” que é uma homenagem ao início do movimento Brazilian Drum and Bass no fim dos anos 90, que abriu as portas do mundo para a música eletrônica feita no Brasil.

Para os irmãos, os anos 90 marcaram o começo de suas trajetórias como DJs e produtores musicais. Glitter pode ser considerada referência e base para o que eles são musicalmente hoje. Além de fazer menção a uma fase interessante do nosso querido DnB.

“Glitter nos remete à época do início da cena Drum and Bass no Brasil, em São Paulo. E, se não me falha a memória, naquele período não tinhamos outra festa dedicada ao DnB além da Cool Bass. Éramos moleques e esse era o som que gostavamos de sair pra ouvir junto com nossos amigos, esse track retrata bem o que ouvíamos nas lendárias noites da festa do Xerxes.”

Glitter também era o nome de um bar nessa metrópole bagunçada, que mais mexe com essa dupla, que é São Paulo. Lá foi o lugar que abrigou em meados de 1996 uma noite prá lá de especial, a Cool Bass, com os lendários DJs XRS Land e Bispo, numa residência recheada de convidados especiais da época como DJ Marky, Andy, Marnel, Ramilson Maia, Luiz Pareto além do próprio Drumagick. Foi lá também que foi promovido o primeiro CD demo da dupla, fabricado de forma ainda caseira e que lançou oficialmente o nome Drumagick na noite paulistana.

Como vocês podem ver, esse track vem carregado de emoção e história. Glitter é um jeito minimalisticamente brasileiro de fazer drum and bass. É só dar play!

Clique aqui para assistir Glitter https://youtu.be/3yUd35_R7yo

Hit “Love Hurts” de Sharam Jey é relançado em grande estilo pela Bunny Tiger

Sharam Jey está de volta à Bunny Tiger para relembrar seu grande sucesso, “Love Hurts”, com uma série de remixes especiais de Aiwaska, Phonique, BAKKA, Roberto Palmero e Vanilla Ace. O original teve um enorme support de artistas como Jamie Jones, Solomun, Green Velvet e Patrick Topping, entre outros

Aiwaska é o primeiro artista que remixou “Love Hurts” com uma versão lenta e profunda que possui uma linha de baixo marcante e grande percussões intensas. A versão do BAKKA é muito mais sombria com graves sinistros, e Roberto Palmero oferece um mix mais festivo com vocais exóticos e batidas quentes.

Phonique nos entregou uma versão deliciosa na onda do deep house que vai conquistar aquela galera que adora o estilo e Vanilla Ace manda ver nos kicks para você simplesmente não ficar parado.

versão original de Sharam Jey também faz parte deste EP, com seus vocais tropicais e claps que fazem qualquer um dançar, tudo soando super delicioso.

O EP “Love Hurts” de Sharam Jey e remixers convidados já está disponível pela gravadora Bunny Tiger para venda e streaming em todas as plataformas digitais!

David Guetta anuncia live de Nova York no próximo sábado

Depois do sucesso da live United at Home em Miami, que arrecadou mais de US$ 750 mil em doações para as instituições de apoio ao combate ao coronavírus, o célebre DJ David Guetta anuncia uma nova transmissão ao vivo, agora de Nova York, neste sábado (30) às 20h (horário de Brasília). A exemplo de Bob Sinclair, o lugar não foi divulgado previamente para que não haja aglomeração prejudicando o isolamento social.

O evento também tem caráter beneficente e será para angaria fundos para as entidades: Mayor’s Fund to Advance New York City, Feeding America, a Organização Mundial da Saúde e Fondation Hôpitaux de Paris – Hôpitaux de France.

A nova live de David Guetta, que será em um dos lugares mais icônicos de Nova York e será revelado durante o set do produtor, será transmitida por meio dos perfis do artista no Facebook, Instagram, YouTube, Twitter, Twitch, VK e TikTok. A live contará com participações especiais de convidados do City First Responders, junto a outros convidados surpresa.

Os moradores de Nova York são encorajados à se juntarem ao público do mundo todo e assistirem à performance de casa. O set será exclusivo para a transmissão online e não será amplificado.

OTIMISMO! Um dos maiores festivais de música da Europa anuncia que vai rolar em agosto!

O Exit Festival, que acontece na Sérvia, irá manter a sua edição deste ano apesar da pandemia da Covid-19.

A edição de 2020 assinalará o 20º aniversário do festival, e terá lugar em Novi Sad, tendo sido adiado de julho para agosto.

“Esperamos que a situação em agosto esteja totalmente controlada”, afirmou a primeira-ministra sérvia, Ana Brnabić.

No entanto, o Exit poderá não contar com a sua ocupação máxima: 55 mil pessoas e 40 palcos. Em 2019, bateram o seu recorde de audiência, com uma média diária de 50 mil pessoas.

De acordo com Dušan Kovačević, co-fundador do festival, este só voltará ao formato habitual em 2021. A revista IQ escreve que a lotação deste ano poderá ser apenas metade da habitual.

Do cartaz do Exit fazem parte nomes como os Boris Brejcha, Sepultura, DJ Snake, Kosheen, Tyga, Fatboy Slim, David Guetta, Marky Ramone ou Metronomy, entre outros.