Mastiksoul lança novo álbum e conta curiosidades da carreira

Mastiksoul foi nomeado o quinto melhor produtor do mundo, editou mais de 200 músicas e suas tracks chegam sempre ao top 100 do Beatport. Agora, o DJ e produtor acaba de lançar o terceiro álbum, Mastiksoul Forever.
Poucos sabem que Fernando Figueira, 36 anos, conhecido como Mastiksoul, começou a carreira como dançarino.
“É difícil de acreditar por causa destas bochechas e desta barriga. Por volta de 1986 estava num grupo de breakdance e dávamos shows no Casino Estoril, em Portugal.”
Chegou a participar em campeonatos internacionais, mas começou a gostar da vertente que aparecera na época, o acid house.
“Agarrei-me a isso. Comecei a tocar por brincadeira com os amigos”
Agora, o DJ com raízes angolanas acaba de lançar o seu terceiro álbum, Mastiksoul Forever, que diz ter feito numa semana.Mastiksoul Forever já entrou no top 20 dos discos mais vendidos em Portugal.
“Pra mim é como se estivesse no número um. Sou realista e sei que a dance music não tem a mesma força”
É um dos DJ e produtores portugueses com mais atuações e prêmios no exterior, tendo tocado nos melhores clubes do mundo e colaborado com grandes nomes da música eletrônica. Foi o único Dj português com uma nomeação na categoria de Best House Artist nos Beatport’s Music Awards 2009.
“São nomeações justas porque são pelas vendas e não pelos meus bonitos olhos”.
Quanto ao seu estilo, Mastiksoul apelida-o de “groove africano”.“Sou africano e tenho minhas raízes musicais”.
De fato, a curiosidade pela música começou ainda em Luanda quando ajudava Eduardo Paim.
“Quando era pequeno frequentava muito a casa dele e via-o a tocar todos os instrumentos. Para mim era um deus.”
Outro músico com quem tinha uma relação próxima era (pasme!) Martinho da Vila, que tratava por tio.
“Nem tinha noção de quem ele era. Para mim era o tio. Era amigo dos meus pais e quando ia a Angola ficava na minha casa.”

De taxista a produtor
Nasceu em Angola, mas aos seis anos veio para Lisboa, onde ficou até aos 17. Fez as malas e partiu sozinho para França.
“Larguei os estudos. Comecei em festas malucas e adorava aquele andamento. Fazia festas de Karl Lagerfeld e com o Jean-Paul Gaultier. Achavam engraçado um mulato de 17 anos!”
Regressou temporariamente a Lisboa, e depois foi para Londres, onde foi estudar mixagem e produção. Acabou por não ter o diploma porque não teve dinheiro para pagá-lo.
“Era um curso que custava 10 mil libras”.
Começou então a trabalhar como taxista para se sustentar, apesar de não conhecer a cidade.
“As pessoas entravam no táxi e eu dizia para me indicarem o caminho. Eles achavam aquilo muito engraçado”
Voltou à escola, e fez amizade com um israelita e juntos fizeram músicas para anúncios da BBC.
“Comecei a fazer experiências no estúdio dele e enviei para uma distribuidora inglesa. Passados três dias me ligaram, queriam editar o disco. Pouco depois chegou outra proposta irrecusável: Era para criar meu próprio label, com os melhores DJ ingleses. De repente, passei de taxista a uma referência mundial”.Durante uma carreira com quase 20 anos, Mastiksoul passou por inúmeras situações engraçadas. Recorda especialmente uma no Bahrein, dois dias antes do conflito.
“Tive a infelicidade de passar uma música árabe no meio do set. Ficaram tão contentes que um segurança do sheik – o bar era dele – chegou com uma garrafa de [champanhe] Cristal, dizendo-me que o sheik queria que voltasse a pôr aquela música. A cada meia hora tinha de rolar a música!”.
Em Hong Kong foi parar a um after hours na casa do filho de Silvio Berlusconi. E em Pequim tocou num clube em que a polícia apareceu para desligar tudo.
“Achei que seria preso”.
Diz que o seu único vício é o cigarro.
“Não bebo álcool e nem me drogo. Nem sequer saio à noite, só quando me pagam. Uma vez fumei um charro e jurei que nunca mais fumaria aquilo. Fiquei tonto e me senti fora de órbita. Gosto de estar no controle da situação”.
O próximo grande desafio chega já para o mês que vem.
“Chama-se Bernardo. É o meu segundo filho. É um projeto ao qual vou me dedicar 100%”

Vi aqui
Anúncios

1 comentário

Fala aí

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s