Flux Pavilion: ”O que eu faço não é dubstep”

Ele já foi categorizado em brostep, dubstep e tudo o mais. E nunca comentou sobre essa definições e categorias.

Mas em uma recente entrevista para o Spooned do Reino Unido, Joshua Steele aka. Flux Pavilion resolveu manifestar-se:

”Eu digo isso o tempo todo no Twitter – o que eu faço não é dubstep.”

E ainda completou:

”Eu não faço parte da cena dubstep atual”

O dj e produtor de 23 anos que teve a track ”I can´t stop” sampleada por Jay-Z e Kanye West, ainda disse que se inspira muito no trabalho realizado por Diplo com artistas pop.

”Ele está no estúdio com Justin Bieber, a primeira coisa que pensei foi: Vou começar a gostar de Justin Bieber!”

Pronto! Flux Pavilion agora é um BELIEBER
Vi aqui

6 comentários

  1. Prestou um serviço agora. Simpatizei ainda mais com ele. As pessoas vivem nesse dilema entre separar e-music do pop e tudo, são intrísecas, mas diferentes entre si. Mostrar que faz parte do lado pop não exime você de fazer e-music, e ainda assim respeita quem trabalha em outra corrente, mais inovativa. Achei digno.

Fala aí

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s